Sobre jornalistas

journaliste-singeComo todos já sabem, eis que a obrigatoriedade de diploma para ser jornalista foi derrubada no último dia 17,  segundo decisão do Supremo Tribunal Federal (STF). Entre favoráveis e contrários, mortos e feridos, uma das análises  mais interessantes que li a respeito do tema e que indico aqui é a do meu amigo e também estudante do curso de jornalismo Filipe Moreira. Em meio a tanto falatório, ele conseguiu ser sagaz com simplicidade e poucas palavras, levando em consideração o que foi cômodo para muita gente ignorar.

Também indico o texto de Cris Rodrigues, publicado no interessante blog Jornalismo B. Lá ele coloca a opinião dele acerca do assunto, e a meu ver é uma opinião bem legal.

Quanto ao meu ponto de vista, pra não deixar passar em branco, enquanto não só estudante de comunicação mas também ser humano pensante e cidadão, acho que estudar sempre é bom e nunca é demais. Não estou no meu curso para brincar porque é divertido (apesar de às vezes ser), eu estou lá pra aprender (apesar de às vezes cochilar). Acho que existem pessoas de outros cursos (e também de curso nenhum) que escrevem brilhantemente bem, muito melhor do que eu jamais escreverei, como o meu amigo blogueiro e formado em Letras-inglês Pedro “BeatsMe” Moreno, que sempre uso de exemplo (o site novo dele ainda está em construção, mas eu garanto que quando ficar pronto você verá a divina inspiração com a qual o rapaz escreve!). Ao mesmo tempo acho que a decisão do STF, se levada a cabo não só no âmbito do diploma de jornalista mas também em outras profissões (como se propõe), vai avacalhar esse país já avacalhado e diminuir nossos salários já diminutos. Não sei dizer exatamente qual é a razão por trás de tudo isso, só sei que, com toda a certeza, ela tem a ver com o interesse primordial que move o mundo e a humanidade: O DINHEIRO.

war-zone-2-journalist-cartoonQualquer um pode ser jornalista. Quem sabe com dom, treino, força de vontade e paixão, sentar e escrever uma, duas, três, quatro, cinco notícias, notas, reportagens, matérias, fazer a pergunta certa, usar a entonação certa, saber a informação certa, na hora certa, no lugar certo, durante o dia inteiro, e dia após dia, e aos finais de semana, feriados, natais e anos novos, na frente do computador, na rua, na praia, na favela, no senado, na zona de guerra, enquanto o telefone toca, e as pessoas gritam, e os emails chegam, e o tempo acaba. Tão fácil criticar, né?

Desafio qualquer um a ser jornalista e aguentar o tranco =)

~ por LSReis em 23/06/2009.

7 Respostas to “Sobre jornalistas”

  1. A sorte está lançada!
    Pra quem conseguir aguentar o tranco eu tiro meu chapéu…
    Admito que eu não estou aguentando esse mix de fim de período, estágio, Igreja e namoro, maasss… seja o que Deus quiser!

  2. “…avacalhar esse país já avacalhado e diminuir nossos salários já diminutos”. Excelente.

  3. realmente esse post esta muito digno, minha cara amiga. dignissimo.

  4. belíssimo blog! e assino embaixo!

  5. Decisão meio que irrisória não acha? O que os grandes editoriais vão preferir? Alguém recém formado ou já com experiência na área, ou pegar alguém que sequer pisou numa redação?

    A chance aos demais foi dada, ilusória ou não, mas “sabemos” que pouca coisa vai mudar. A classe jornalista não precisa se sentir acoada ou diminuida… quem tem o devido preparo não ficará de fora do mercado!

  6. também acho que não vai mudar muita coisa…
    mas que eu me senti diminuída, ah, me senti. nem sei bem por quê… hahaha

    êta blog lecal!

  7. Ai que bela massagem no meu ego que foram esses elogios.
    Só pra constar, o http://sentaquelavem.net já está no ar.
    Só tá faltando você.

    Abraços!

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

 
%d blogueiros gostam disto: